Flamengo vence o Atlético-MG no Mineirão

|

RIO - Num fim de semana irretocável para o futebol carioca, no qual o Vasco garantiu seu retorno à Série A e Fluminense e Botafogo deram passos importantes para fugir do rebaixamento, o Flamengo mostrou que está mais vivo do que nunca na briga pelo título. Com grande atuação coletiva, o time da Gávea derrotou o Atlético-MG por 3 a 1 no Mineirão, tomou o terceiro lugar do rival e, com 57 pontos, agora está a apenas dois do líder São Paulo, a quatro rodadas do fim do Campeonato Brasileiro. De quebra, a torcida ainda comemorou a derrota do Palmeiras, vice-líder com 58, para o Fluminense no Maracanã ( veja a classificação completa e a fotogaleria da rodada ).

- O Flamengo tem uma história muito boa, quando deixam chegar o time ganha uma força muito grande. Espero que a gente possa continuar assim, com essa pegada e os pezinhos no chão para que a gente possa encostar nos primeiros. Agora temos uma semana para nos preparar para o próximo jogo - declarou Adriano, que fez o terceiro gol e agora divide com Diego Tardelli a artilharia do Brasileiro, ambos com 18 gols.

Petkovic, com um gol olímpico, e Maldonado também marcaram na vitória rubro-negra, com Ricardinho descontando ( veja os gols da partida ). Na próxima rodada, o Flamengo vai enfrentar o Náutico, em Recife, enquanto o Atlético-MG pega o Coritiba, também fora de casa. O São Paulo recebe o Vitória no Morumbi, e o Palmeiras joga contra o Sport, no Palestra Itália.

Rádio Globo: Ouça os gols da partida

Apagado no jogo, Adriano marca no segundo tempo

Adriano domina diante da marcação de Werley - Foto: Divulgação/Vipcomm

Empurrado por 63 mil torcedores, o Atlético-MG começou o jogo partindo para o ataque. Mas o plano rubro-negro, de esfriar a empolgação do Galo, começou a dar resultado aos nove minutos, quando Petkovic abriu o placar com um gol olímpico: o escanteio da esquerda entrou no ângulo de Carini, na primeira trave.

Apesar do domínio, o time mineiro pouco ameçava Bruno. Aos 15, Éder Luís recebeu de Carlos Alberto e bateu de primeira mas o goleiro do Flamengo defendeu bem. Aos 30, o camisa 1 saiu do gol, cortou o lançamento para Diego Tardelli e jogou a bola nos pés de Thiago Feltri, mas o chute da intermediária saiu sem direção. Aos 39, Maldonado recebeu de Zé Roberto, entrou na área e chutou cruzado para fazer seu primeiro gol com a camisa rubro-negra, dando mais tranquilidade ao Flamengo: 2 a 0.

O Galo quase diminuiu aos 44, numa falha de Ronaldo Angelim. Éder Luís roubou a bola no ataque e rolou para Corrêa, com Bruno mal colocado, mas o chute saiu por cima do travessão. A torcida atleticana teve de esperar até os cinco minutos do segundo tempo para vibrar: Thiago Feltri cruzou da esquerda, Evandro raspou de cabeça para o meio da área e Ricardinho bateu de primeira para diminuir.

Mais uma vez, porém, o Flamengo mostrou maturidade para suportar a pressão na casa do adversário. Com Toró e Fierro nas vagas de Aírton e Petkovic, que saíram com problemas musculares, o time voltou a equilibrar a partida. E teve as melhores chances do jogo, mas Carini fez ótimas defesas à queima-roupa em chutes de Zé Roberto, aos 15 e 22, e Adriano, aos 36. Três minutos depois, porém, o goleiro não conseguiu evitar o terceiro gol do Flamengo: Fierro cruzou da direita e Adriano cabeceou para o chão, contando ainda com desvio na zaga mineira.

ATLÉTICO-MG 1 X 3 FLAMENGO

Estádio: Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Data/hora: 8/11/09 - 16h

Árbitro: Leonardo Gaciba (Fifa/RS)

Auxiliares: Roberto Braatz (Fifa/PR) e Altemir Hausmann (Fifa/RS)

Cartões amarelos: Evandro (ATL); Juan, Bruno e Willians (FLA);

Gols: Petkovic, 10'/1ºT (0-1); Maldonado, 40'/1ºT (0-2); Ricardinho, 5'/2ºT (1-2); Adriano, 36'/2ºT (1-3)

ATLÉTICO-MG : Carini, Carlos Alberto, Benitez, Werley e Thiago Feltri; Jonilson, Renan (Evandro, intervalo), Correa (Serginho, 26'/2ºT) e Ricardinho; Eder Luis (Rentería, 20'/2ºT) e Diego Tardelli. Técnico: Celso Roth

FLAMENGO : Bruno, Léo Moura, Álvaro, Ronaldo Angelim e Juan; Aírton (Toró, 22'/2ºT), Maldonado, Willians e Petkovic (Fierro, 24'/2ºT); Zé Roberto (Gil) e Adriano. Técnico: Andrade.

0 Comentário:

 

©2009 NOTÍCIAS DE IPIAÚ | Template Blue by TNB