Ceplac discute cultura da graviola em Ipiaú

|

O cultivo de fruteiras foi a alternativa encontrada pelos produtores rurais dos municípios do Vale do Rio das Contas para se contrapor ao declínio da lavoura cacaueira após o surgimento da vassoura-de-bruxa. Atualmente, o agropolo está em fase de consolidação e crescimento e a adoção de tecnologias pode elevar a produção para 50 toneladas por hectare ante as 10 toneladas normalmente alcançadas em áreas irrigadas do semi-árido. Com o objetivo de discutir questões tecnológicas específicas, o Agropolo do Vale do Rio das Contas e Ceplac realizam dias 24 e 25, o I Seminário da Cultura da Graviola no Vale Rio do Rio das Contas, no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Ipiaú. O evento conta com o apoio do Ministério da Agricultura, Ceplac; governo da Bahia e Universidade Estadual do Sudoeste (Uesb); Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente de Ipiaú, Associação dos Produtores de Frutas (Aprofruta), sindicatos rurais de Barra do Rocha e Ipiaú e Sistema Faeb/Senar. A agroindústria do vale proporcionou a geração de receita bruta de 42 milhões reais, em 2007, enquanto o setor produtivo alcançou receita média de 4 milhões de reais no mesmo exercício, sendo responsável pela oferta de 30% das frutas processadas pelo parque agroindustrial de Ipiaú e região.

0 Comentário:

 

©2009 NOTÍCIAS DE IPIAÚ | Template Blue by TNB