Lula comemora aniversário em Brasília

|


Foto: Marina Mello/Terra

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou neste sábado durante comemoração de seu aniversário de 64 anos que espera nesta mesma data no ano que vem estar comemorando a eleição da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, para a Presidência da República. Apesar da comemoração de hoje, o aniversário de Lula será na terça-feira.
Ao ser questionado por jornalistas se o seu pedido de aniversário ao soprar a velinha do bolo seria por uma vitória de Dilma em 2010, Lula afirmou que não podia comentar o assunto porque isso seria um descumprimento da lei eleitoral.
"Isso eu não posso (falar sobre eleição), porque está fora de época eleitoral e a legislação não permite nem em sonho que eu possa fazer qualquer pensamento positivo sobre a Dilma antes da convenção partidária e de ela se afastar do governo. Mas, no meu próximo aniversário, eu, se Deus quiser, estarei comemorando a eleição dela", diz Lula.
Lula vem sendo criticado pela oposição por estar supostamente antecipando a campanha da ministra já que ela tem o acompanhado em diversas viagens. Mas hoje ele defendeu que em 2010 o Brasil acompanhe campanhas eleitorais "civilizadas".
"Vamos ter eleição, um momento de consagração da democracia no País, mas é importante que as campanhas sejam civilizadas , que as campanhas sejam com o interesse de politizar a sociedade", afirmou.
O presidente recebeu nesta manhã alguns populares e simpatizantes do PT, que trouxeram bolo e cantaram parabéns. A banda da presidência tocou músicas em homenagem a Lula, como o hino do Corinthians.
Os convidados estavam descontraídos - o ex-ministro das Cidades e ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra estava de chinelo e bermuda, por exemplo. O presidente agradeceu a presença de todos e disse estar feliz por completar 64 anos com saúde e se sentindo "um menino".
"No mais, estou feliz porque completo na terça-feira 64 anos com muita saúde, com muita disposição, me sentido um menino de 63", disse ele provocando risos entre as pessoas que se amontoavam a sua volta.
Segundo a organização, cerca de 150 pessoas participaram do evento. Como estava o evento com menos participantes do que em outros anos em que populares vieram cumprimentá-lo por seu aniversário, Lula saiu da grade de segurança, desfilou e distribuiu abraços entre os presentes.

0 Comentário:

 

©2009 NOTÍCIAS DE IPIAÚ | Template Blue by TNB