Porto Seguro: Pediatra acusado de violentar a filha de 4 anos

|

Por Bahia dia dia
PORTO SEGURO - O pediatra, que atendia no Hospital Luis Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, e foi acusado em dezembro de 2008 de manter relações sexuais com a filha de 4 anos, trabalha atualmente no hospital da Santa Casa de Misericórdia de Ubatuba, litoral paulista. Ele é chefe da ala de pediatria.
Por ordem da juíza Némora de Lima Janssen, o médico chegou a ser preso e afastado das funções em Porto Seguro. Deixou a cidade após passar 20 dias na cadeia. Em seguida, o pediatra deu um belchior e sumiu.
Mas acaba de ser localizado pela reportagem do jornal A Tarde, pois novas denúncias feitas pela mãe da menina reacenderam o caso nesta semana.
O advogado do acusado de pedofilia, Dr. Beto do Axé do Moi, se recusa a falar sobre sua estratégia de defesa. “O processo está sobre segredo de justiça”, diz ele.

0 Comentário:

 

©2009 NOTÍCIAS DE IPIAÚ | Template Blue by TNB