Fábio não acredita na eleição de Geddel

|

Em meio à polêmica confirmação de rompimento da aliança entre PT e PMDB, estão os partidos menores buscando se aliar (ou permanecer) ao lado dos que acreditam ser mais fortes, pleiteando cargos e mais poder. Dentre os aliados da bancada do governo que estão em busca de mais espaço está o Partido Republicano Progressista (PRP).

Segundo o deputado estadual, Fábio Santana (PRP) “a bancada do Governo está eufórica porque, com a saída do PMDB, vários cargos ficarão vagos e, para se fazer política, e quando digo política falo da política de articulação, são necessários cargos que funcionam como ferramentas. E, é claro, que o PRP está a pleitear também esses cargos para se fortalecer e ajudar o Governo”.

“A nossa coligação PRP - PT do B, na eleição de 2006, obteve cerca de 430.000 mil votos. Foram eleitos três deputados do PRP e 01 uma deputada do PT do B. Tenho certeza de que com a visão política que o Governador tem, saberá dar o tratamento que o PRP merece. Sou da base do Governo, o PRP é o meu partido e tudo farei para que tenhamos do Governador a reciprocidade que merecemos”, complementa o deputado.

Fábio Santana, que já fez parte do PMDB, afirma não acreditar que o ministro da Integração, Geddel Vieira Lima possa ser eleito governador do estado. Para ele, Jaques Wagner tem outro candidato para se preocupar nas eleições de 2010.

“O Ministro Geddel terá que caminhar muito por essa Bahia para adquirir popularidade. O Governador Jaques Wagner terá que se preocupar com o ex-governador Paulo Souto, por ser ele já testado no Executivo e por isso ter muito mais visibilidade que o Ministro Geddel, por força do importante Ministério, dá a falsa aparência de popularidade. Os políticos que o apoiam o fazem porque tem cargos ou qualquer outro tipo de benefício e, mesmo assim, estão divididos”, afirma. O deputado confirma que o seu partido continuará apoiando Wagner.

Eleições 2008, carreira política e obras

Com relação à política local, indagamos o deputado sobre como teria ficado sua imagem em Itabuna depois que ele, nas últimas eleições e ainda pelo PMDB, abriu mão da candidatura a poucos dias das eleições e se aliou à candidata do PT, Jussara Feitosa. Segundo Fábio Santana, sua imagem não foi afetada por esse fato.

Já esclareci ao meu eleitorado e ao povo de toda região que o que fiz foi pensando no melhor para Itabuna. Vou repetir dizendo que: na época o eleitorado já tinha polarizado entre os dois candidatos, Jussara e Azevedo, o nome de Jussara estava muito forte. A pedido do grupo do Governo e também por entender que a nossa Itabuna estaria bem servida no âmbito estadual e federal, abri mão da minha candidatura. No entanto o que realmente faltou, imediatamente, à minha abdicação foi não ter comunicado ao meu eleitorado. Isso acarretou a ida dos meus eleitores para o lado de Azevedo. No momento, só pensei em minha cidade”, alega Fábio Santana.

Sobre se pretende candidatar-se a algum cargo político no ano que vem, a resposta é positiva. “Quando interrompi a minha carreira militar em 2002, optei pela política por uma questão vocacional. A política é minha vida. Não faço olhando para o retrovisor. Olho e olharei sempre para frente. Acredito no povo de Itabuna e região e que fiz a coisa certa. Tenho trabalhado muito pela minha terra, mesmo não tendo sido eleito ou levado a minha candidatura de prefeito até o fim. Sei que o povo vai entender isso, redobrarei as minhas forças e não darei sossego ao Governador para conseguir benefícios para Itabuna e toda a Região Cacaueira”, enfatiza o deputado.

Deputado estadual pela segunda vez, Fábio Santana afirma já ter trazido diversas obras para Itabuna e sul da Bahia. “Já levei várias obras para Itabuna. O Colégio da Polícia Militar é uma realidade. A construção de dois colégios de 2º grau, numa parceria da Secretaria de Educação do Estado com o Ministério da Educação, que já estão liberados, bastando apenas à doação dos terrenos por parte da prefeitura. A ampliação do Colégio da Polícia Militar, o projeto de drenagem, saneamento básico e pavimentação do bairro Jorge Amado, indicação ao Governador para executar a obra de cobertura dos canais do São Caetano, Califórnia e Santo Antônio”, entre outras citadas pelo deputado.

0 Comentário:

 

©2009 NOTÍCIAS DE IPIAÚ | Template Blue by TNB