Dicas para acabar com o mau hálito

|

Água, chicletes e principalmente higiene bucal podem auxiliar quem tem problemas com o mau hálito.

O mau hálito crônico (também conhecido como halitose) é um mal que atinge mais de 90 milhões de pessoas. Se você ou alguém que você conhece sofrer um ataque de mau hálito, tente seguir estas 8 dicas simples para resolver o problema.

O mau hálito atinge frequentemente pessoas que não cuidam devidamente de sua saúde bucal. O cheiro é geralmente causado pela decomposição dos restos alimentares e por bactérias. Por isso escovar os dentes e utilizar fio dental é muito importante, assim como escovar a língua suavemente.

Microscopicamente falando, a língua é como um tapete peludo – existem milhões de filamentos nela que funcionam como uma armadilha para partículas minúsculas e bactérias.

Para realizar a limpeza da língua, a própria escova de dente, a ponta de uma colher ou um limpador de língua (produto específico para essa função) podem ser utilizados.

Sempre que usar qualquer objeto dentro da sua boca, limpe-o completamente ao guardá-lo, para não ocorrerem problemas na hora de usar de novo.

Bochechos também ajudam a melhorar o mau hálito, mas apenas temporariamente. Eles não atacam a raiz do problema, apenas mascaram o odor.

Chicletes sem açúcar

A saliva é a melhor arma contra o mau hálito, pois ela “lava” a boca com enzimas que afastam partículas alimentares e bactérias. É por isso que a boca seca, muitas vezes causada por determinados medicamentos ou doenças, leva a problemas de odor.

As pessoas geralmente apresentam mau hálito pela manhã porque a produção de saliva se torna mais lenta durante o sono.

Os chicletes sem açúcar estimulam a mastigação, e consequentemente, a produção de saliva. Já as pastilhas de menta, por exemplo, funcionam apenas como uma máscara temporária do mau cheiro.

Embora tudo o que faz salivar melhore o hálito, chicletes adoçados com xilitol são a melhor opção. Xilitol é um substituto do açúcar que não só aumenta a salivação, como também trabalha para impedir a reprodução de bactérias na boca.

Com informações do Ibirataia Noticias e Jô da AABB.

0 Comentário:

 

©2009 NOTÍCIAS DE IPIAÚ | Template Blue by TNB